Eu e SÓ EU...

Eu e SÓ EU...
Alone

Como EU sou...

Photo Effects by Wishafriend
Photo Effects By WishAFriend.com

Bom Dia, Boa Noite... "essas coisas"!

Posting

Photo Flipbook Slideshow Maker
PORTUGAL é "só isto"...?!... NÃO... essencialmente, é UM POVO...!!!

Provérbios

“Só um sentido de invenção e uma necessidade intensa de criar levam o homem a revoltar-se, a descobrir e a descobrir-se com lucidez”. (Pablo Picasso)

PORTRAIT




Não importa quantos passos você deu para trás, o importante é quantos passos, agora, você vai dar para frente.

Gedeão


Eu, quando choro, não choro eu. Chora aquilo que nos homens em todo o tempo sofreu. As lágrimas são as minhas mas o choro não é meu.A.Gedeão

A(o)s que me deixam MENOS alone...!!!

quinta-feira, 12 de maio de 2011

Histórias incríveis de sobrevivência - "Perdido sobre uma prancha"



Quando Eric LeMarque tirou o dia para praticar snowboarding nas montanhas de Serra Nevada, Califórnia, num dia frio e ensolarado no início de março de 2003, não tinha idéia de que à noite estaria perdido e se afastando pouco a pouco de seu abrigo. Enquanto procurava uma plataforma para a prática do esporte, o ex-jogador olímpico de hóquei acidentalmente mudou o trajeto durante os 3.353 metros das montanhas de Mammoth.
Pelo fato de estar buscando um pouco de lazer ao ar livre, LeMarque levou pouco suprimento e equipamento. Não levou comida, roupas extras e a bateria de seu celular estava descarregando - e certamente não havia o bastante para aguentar por algumas horas, quanto mais por sete noites perdido nas montanhas. No entanto, ele levara um MP3 player. Mesmo parecendo o último recurso possível, foi esse pequeno aparelho que salvou sua vida.

Quando percebeu que estava sozinho, sua primeira reação foi positiva: juntar gravetos e fazer uma fogueira. Dependendo da situação, ficar quieto e esperar por auxílio é uma opção viável. Não conseguindo manter o fogo, ele decidiu continuar andando. Infelizmente, tomou a direção errada. Nos dias que se seguiram, LeMarque viajou cada vez mais para longe de seu abrigo. No caminho, encarou baixas temperaturas e fome e, depois de cair numa correnteza, quase foi levado a uma cachoeira de 24 metros de altura.

A provação de sete dias de LeMarque gerou uma gangrena tão grave que os tecidos da pele das extremidades dos membros inferiores sofreram danos irreversíveis, e seus pés e grande parte das pernas tiveram de ser amputados. Depois de perder 16 kg, o esportista ficou bastante subnutrido. Segundo a Newsweek (site em inglês), em determinado momento, no auge da exaustão, LeMarque estava alucinado e imaginando que estava num videogame. Chegou a pensar: "O jogo acabou... vamos voltar ao ponto zero. Eu desisto".
Entretanto, ele não desistiu e sobreviveu.


por Allison Klein - traduzido por HowStuffWorks Brasil
Origem: esporte.hsw.uol.com.br/




Nota de alone: somos, por vezes, tão "mariquinhas"...! Outras vezes, somos "tipo LeMarque" e, capazes de vencer todas as barreiras/obstáculos que nos surgem pela frente! SURVIVE... man...!!!





Posted by alone Dated12may2011


Nenhum comentário :

Postar um comentário